Esta frase é a espinha dorsal do trabalho de dois arquitetos paulistas formados pela Universidade Mackenzie. Flavio Borsato e Mauricio Lamosa estudaram juntos e fundaram o estudiobola há vinte anos em torno deste conceito, criando produtos com personalidade e simplicidade estudada à exaustão.

Um trabalho isento de modismos e tendências requer uma pesquisa rigorosa de proporções e acabamentos a fim de conferir às criações resultados atemporais, que elevam a vida útil das peças, deixando-as agradáveis aos olhos durante anos. Esse conceito é aplicado em toda produção do estudiobola, desde a criação de uma cadeira até projetos de luminárias.

Alguns prêmios de design durante esse trajeto, como o Prêmio Museu da Casa Brasileira, ajudaram a balizar o trabalho da dupla que é reconhecida no segmento moveleiro pela excelência do seu desenho e por sempre vincular seu trabalho à busca de resultados comerciais contundentes, segmentando relações com as empresas que produzem e revendem suas criações.

A estrutura interna cresceu durante os anos sem perder o diferencial que os fez chegar até aqui, um atendimento objetivo, sincero e profissional. A figura da dupla de criação deu lugar à um time competente de profissionais que ajudam a colocar a empresa e seus produtos nas melhores e mais conceituadas lojas de mobiliário e decoração do país, além de participar constantemente em publicações nacionais e internacionais do segmento.

Atualmente o estudiobola vislumbra outros horizontes e desafios e divide toda sua expertise em design com o consumidor em seu próprio local de trabalho. Um galpão de uma antiga fábrica abriga a loja de móveis para uso interno e externo, luminárias e revestimentos com desenho exclusivo e diferenciado. E desde abril de 2019 a marca conta com mais um endereço na cidade de São Paulo.

Espaços que valem a pena serem visitado pelo conceito industrial de exposição, mas também para ser atendido por uma equipe diferenciada e se deparar com todo esse histórico aplicado em seus produtos.